Ensinando Inglês no Equador: A Experiência de Ming

Estou escrevendo esta resenha com base em minha experiência como voluntária durante de um mês no Equador. Eu fui hospedada na casa de uma família equatoriana e eles eram muito amigáveis e me trataram como se fosse a própria filha deles. Quando cheguei lá, meu espanhol ainda era ruim e minha ‘família’ me ajudou a negociar com o taxista e me ajudou a me acalmar.

Minha ‘família’ me tratando tão bem …

Artesanato Tradicional do Equador

Além disso, eles me mostraram como fazer o artesanato tradicional no Equador. Já que sou uma viajante do mundo e uma amante da cultura, eu estive em muitos países durante os últimos anos. Mas o Equador virou minha segunda terra natal, onde encontro minha alma, o verdadeiro calor humano, apesar das dificuldades iniciais com o idioma e das barreiras culturais. Eu amei essa experiência e voltarei novamente.

Como este programa pode ser aprimorado?

Será melhor se a conexão com a família local for melhorada. Às vezes a internet não é boa nesta pequena aldeia, por isso os voluntários precisam de alguém que fale inglês bem. – Mingzhuo Pei, da China

Como se voluntariar no Equador

Encontre os programas voluntários no Equador aqui. Talvez você gostaria conhecer também mais outros programas dando aulas de inglês.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *